03/05/2013

Coração, alma, futebol e mérito, à BENFICA


O que os jogadores e adeptos do Benfica ontem fizeram na Luz, foi algo de emocionante e memorável a uma escala que ainda está por descobrir. Mesmo para alguém que, tal como eu, viu o Benfica chegar a duas finais da Taça Dos Clubes Campeões Europeus -- nome que se dava à Champions de então --, esta passagem à final não deixou de ser tão ou mais emocionante que as anteriores.
Imagino para os mais miúdos. O crer dos adeptos, puxados pelo coração que o grito de revolta despertou na nossa equipa, fez deste jogo um momento épico
que ficará na memória de todos os Benfiquistas.

Não sei se vamos ganhar ou perder na final. O que sei e não tenho dúvidas em escrevê-lo, é que os jogadores do Benfica ontem honraram o manto sagrado que envergam com galhardia e talento. Foram inexcediveis, jogaram bem, com alma, confiança, e é com todo o mérito que estão na final da Liga Europa. Nem um ou outro momento em que as cabeças dos nossos jogadores naturalmente ameaçaram perder-se, belisca aquilo que foi uma noite europeia de sonho que deixa qualquer Benfiquista orgulhoso. E lá esperamos outro gigante numa final. Perdemos várias finais contra grandes europeus, mas se ganharmos esta será com grandeza, novamente contra outro tubarão milionário, tal como as duas que temos no museu. Ganhar com grandeza faz parte da nossa história.

Matic foi um monstro que engoliu o meio-campo turco. E o que dizer do enorme
e injustiçado Tacuara Cardozo? As imagens falam por si.

Obrigado, Benfica

BENFICA SEMPRE!!

1 comentário:

Observador disse...

Gostaria de não destacar qualquer jogador, apesar de reconhecer a 'monstruosidade' de Nemanja Matic e a frieza com classe de Óscar Cardozo.

Porque toda a equipa foi um conjunto. Com elevada nota artística.
Há muito que não via a nossa malta jogar como o fez ontem.
Do primeiro o último minuto.
Os tais momentos em que "as cabeças dos nossos jogadores naturalmente ameaçaram perder-se", passam ao lado deste meu comentário.

Em boa verdade, Amsterdão merece-nos.
Será, não tenho dúvida, um jogo enorme.
E vai ser bom reencontrar Ramires e David Luiz.

Cumprimentos benfiquistas.