24/04/2011

Sobre brasas e roubados, mas importante


Ganhar títulos é importante seja em que altura ou contexto for, faz parte da obrigação do Benfica. Este era ainda mais importante. Não para aumentar o já vasto número de troféus que o Benfica possui, apesar de só por isso já valer a pena, mas sim porque esta vitória se impunha para levantar a moral de uma equipa que, nitidamente, entrou para este jogo algo afectada do ponto de vista anímico. Notou-se que em alguns momentos a equipa estava sobre brasas. O receio de errar, o medo de ter azar e a desconfiança no seu tremendo valor, estiveram presentes no subconsciente da equipa - o autogolo de Luisão é o reflexo desse estado anímico -, mas também estiveram presentes a luta, o querer e a vontade de ultrapassar o mau momento, isso não lhes podemos tirar. Não foi um grandioso jogo, mas para quem tinha jogado há poucos dias contra os andrades e enfrentava hoje uma equipa que, não só pratica do melhor futebol que se vê na nossa Liga, como também tinha mais dias de descanso do que nós, podia ter sido pior. Estivemos bem na primeira parte e menos bem na segunda, mas a vitória é justa.

Roubados, mais uma vez...

Andamos a jogar sobre brasas também por causa disto: Uma época inteira em que os nossos jogadores em-jogo, ou em-linha, são constantemente travados pelos "bandeirinhas", em que se marcam penaltis forçados contra nós e se escamoteiam toneladas deles escandalosos a nosso favor, em que vemos os nossos adversários beneficiarem de penaltis duvidosos quando estão à beira de perder pontos, e de outros que lhes são perdoados por jogadas de puro Basquetebol, etc. Tudo isto contribui e de que maneira para uma equipa jogar sobre brasas. Hoje, em Coimbra, aconteceu mais um assalto vergonhoso e em tudo igual aos que se sucederam ao longo da época: Penaltis forçados contra nós que aparentemente não deixam duvidas aos ladrões, e outros ABSOLUTAMENTE DESCARADOS que passam em claro como se fosse normal. Já me vão faltando as  forças e palavras para tamanha vergonha, mas irei continuar a lutar sem me deixar abater, pelo Benfica... Sempre!

Os Mais: Gostei de Jara, e claro, do Moreira. Mesmo sem termos feito colectivamente um grande jogo, destaco a entrega da equipa no geral.
Os Menos: Há jogadores que precisam de limpar as cabeças e acordar. Hoje prefiro não individualizar.

De Futuro: Aproveitar a conquista de mais este titulo para ganhar a moral e alegria necessárias para que uma equipa pratique bom futebol. Metam na cabeça que são muito melhores do que aquilo que têm mostrado... Porque são!

P.S. - É "sob brasas", ou "sobre brasas"? Já nem sei...
BENFICA SEMPRE!!

13 comentários:

Carlos Alberto disse...

Pelos vistos fui o único que não gostou do Jara. LOL

Nem do Jara nem do Poença

Berrante De Encarnado disse...

Não estás incorrecto Carlos,

Ele falhou em vários lances, mas também foi dos que mais jogou e lutou.

Cumprimentos Benfiquistas

Master Groove disse...

Caro Berrante, completamente de acordo...Proença foi miserável!!! e com o apoio da sic, a sonegar e a manipular imagens!!

Berrante De Encarnado disse...

Foi vergonhoso de facto caro Master.

Este ano foi sempre a cascar em cima do Benfica. Ainda termos a chance de ganhar dois títulos é quase um milagre.

Quanto à SIC, a nojeira continua, como nem seria de esperar. Talvez amanhã saiam uns "berros" da minha parte acerca disso.

Cumprimentos benfiquistas

Berrante De Encarnado disse...

Estou cá desconfiado que me enganei na expressão futebolista "sob brasas"

Hehe

Cumprimentos benfiquistas

mWo disse...

É caso para dizer que cumprimos a nossa obrigaÇão caro Berrante.
Mais umas notas:
-a equipa está estoirada fisicamente;
-não há ninguém que dê dois murros bem dados no penteadinho? Que FDGP de ladrão!
-O troféu é feio como o raio, mas é mais um e já lá vão 69 oficiais! Que número lindo LOL
-Agora é só Liga Europa pá cabeÇa, rumo a Dublin!

AbraÇo e SaudaÇões Benfiquistas!

Observador disse...

É sobre brasas, meu caro Berrante de Encarnado.

E é também sobre brasas que comparo a actuação de Pedro Proença - que dizem ser o melhor árbitro português da actualidade - com Peter Walton, árbitro que dirigiu o Manchester United x Everton de ontem.

As leis são as mesmas mas a forma de as interpretar e de as pôr em prática é muito diferente.

E é Proença que vai dirigir um dos jogos da segunda mão da Liga dos Campeões!?!?
Ou o homem se "transforma" ou, com uma actuação parecida com a de ontem à noite, a UEFA põe-lhe os patins.
Mas não, lá por fora é diferente. Os "Andrades" não voam e os que o fazem, é muito baixinho.

Sobre o que aqui foi dito sobre a nossa equipa, estou genericamente de acordo.
É necessário começar a pensar na época 2011/2012.
Limpe-se, arrume-se e areje-se aquele balneário bem como alguns gabinetes.

GuachosVermelhos disse...

Um penaltie, um golo, um fora de jogo mal tirado, e tudo muda!
Até a forma como olhamos para os jogadores, tecnicos, e dirigentes...
Malditos proenças, xistras e companhia!

editor69 disse...

SOBRE...brasas. :)

Manuel disse...

Eu não me importava nada que os jogadores andassem "sob brasas" se isso os fizesse correr mais! :-))

Mas não ajuda. Estão mesmo mal fisicamente. Mas a força anímica também não está grande coisa. Pode ser que aconteça agora o que aconteceu quando perdemos no dragão em Novembro. Que nos comecemos a levantar devagar, devagarinho, pouco a pouco, a tempo de ganhar mais qualquer coisa. Seria fantástico!!

I´ve got a feeling! Vejo uma luz ao fundo do túnel.

Oxalá não seja outro comboio! :-))

ad.eternum SLB disse...

http://adeternumslb1904.blogspot.com/2011/04/benfiquistasuni-vos.html

Saudações Benfiquistas

Berrante De Encarnado disse...

Hehehe, eu bem me parecia que estava confuso na expressão sob brasas... Enfim...

Cumprimentos

Berrante De Encarnado disse...

Corrigido,

Peço desculpa pelo equivoco na expressão.

BENFICA SEMPRE!!

Cumprimentos