09/10/2012

A confissão


Doentinho - "Oh gajo, estás para aí a atacar o meu comparsa? Pois agora vou protegê-lo mesmo depois de ele me ter roubado"

Doentinho - "Oh gajo, o meu comparsa já não diz o que eu quero. Pois agora podes dizer o que sabes, que ele não merece mais"

Isto depois de minutos antes ter posto em causa o carácter de outros. Mas o pior é eu que olho para eles enquanto clube e massa adepta, e infelizmente é mesmo isto que cada vez mais vejo.

E porque tem tudo a ver, não posso deixar de partilhar aqui um episódio que um familiar meu ontem presenciou: Numa mesa de café estavam adeptos de Benfica e Sporting em conversa sobre as incidências do Dragão, com os sportinguistas-com-olhos naturalmente indignados. Entretanto chegou um lagarto-com-palas à imagem do que está na foto acima e, apercebendo-se de que o tema era futebol,
não perdeu tempo a dizer o que lhe ia na alma: "viram-me bem aquele roubo daquele ladrão Benfiquista?", disse. Um dos sportinguistas-com-olhos meteu as mãos na cabeça, antes de calmamente explicar ao pobre Sr. quem era Jorge Sousa. Isto é grave, para ele/s. O confuso homem, além de arriscar entrar em esgotamento por tanto pensar no vermelho, estava mesmo convencido de que aquela derrota beneficiou o Benfica.

PS: juro que não levo a mal se alguém pensar "contado ninguém acredita".

BENFICA SEMPRE!!

2 comentários:

Berrante De Encarnado disse...

PS: O que aconteceu no programa da noite passada, foi apenas a confissão do que os Benfiquistas têm vindo a denunciar sobre esses debates.

Cumprimentos Benfiquistas

Observador disse...

Debates, ainda por cima desportivos.
Por mim acabavam todos.
Mas ... 'share oblige'.

Cumprimentos benfiquistas