24/05/2012

Bem jogado, Benfica (vídeo)

Que metas muitos destes para Cardozo, Ola:


Parabéns à direcção do Benfica pela forma competente e discreta com que abordou a contratação deste menino a transbordar de potencial. Que ninguém
se acomode por forma a continuarmos nesta linha menos mediática e bem mais eficaz, pois um clube com a nossa dimensão e os nossos objectivos não pode chegar ao ponto de contratar sobras nos últimos dias do mercado. O próximo passo é obviamente contratar um defesa-esquerdo à altura. Depois, se possível, um bom Central - até porque Luisão não dura para sempre - e um trinco com raça e pulmão para o caso de Javi Garcia sair. Faço votos para que Witsel fique, mas compreenderei a venda por valores apetecíveis.

Boa sorte para nós, Ola Jhon.

BENFICA SEMPRE!!

4 comentários:

Cometa Vermelho disse...

-Saudações Gloriosas,
Parece ser um muito bom jogador, desejo toda a gloria no nosso clube que ele possa agarrar e o JJ faça dele um grande jogador.

:: Ab, um só caminho visitem o meu blog. UM SÓ CAMINHO !! ::

http://gloriosoplanetavermelho.blogspot.pt/

Jotas disse...

já no meu blogue tinha referido por diversas vezes, que para além da questão do defesa esquerdo, outra das lacunas evidentes do Benfica, era a falta de velocidade nas alas, pois bem, por esse motivo, saúdo a contratação de Ola John, um jovem que me ficou na memória após a eliminatória entre Benfica e Twente, que tive o cuidado de acompanhar durante a presente temporada e que na minha opinião, encaixa que nem uma luva neste plantel, atrevo-me inclusive a dizer que é um jogador à semelhança de Di Maria e que vai ser uma das grandes contratações do defeso.

Manuel Oliveira disse...

É craque!!!

Abraço.

manuelst disse...

É impressionante a velocidade com que o Ola John passa pelos adversários, tem muita qualidade técnica, e tem cruzamentos precisos para a área, acho que foram 22 assistências este ano. Já li em algum lado alguém a comparar o Ola John com o Arjen Robben, não sei se é ou se um dia ele ira mostrar tanta qualidade, mas imaginem um futuro Robben sem as constantes lesões.