18/04/2011

Melhorias, arbitros e emprestados


Não foi um grande jogo, mas foi bem melhor do que aquilo que estes mesmos jogadores tinham feito contra Portimonense e Naval. Tendo em conta que será sempre inevitável os suplentes apresentarem menor ritmo e entrosamento que os habituais titulares, poder-se-á dizer que foi um teste positivo. Houve fases menos boas, com erros aqui e ali pouco admissíveis para uma equipa como o Benfica, mas no geral foram notórias as melhorias. Vitória justíssima, diferença no marcador escassa, e um belo golo de Jara a dar colorido ao final de tarde na Luz.

Como é possível que, num negócio que envolve milhões de € e mexe com os sentimentos de outros tantos adeptos, haja gentalha como Elmano Santos e os seus auxiliares, incapaz de ajuizar lances como o golo anulado ao Benfica? Gentalha esta em tudo igual aos Soares Dias, Jorge Sousas, Cosmes Machados, Olegários, entre outros que, enquanto cá andarem de apito na boca a apitarem como querem, nada irá mudar. Com ou sem corrupção, estas ajudas continuarão. Ontem, no Ladrão, o campeão da mentira foi mais uma vez brindado com a mesma prenda que lhe foi oferecida várias vezes este ano sempre que eles mais precisaram: Mais um penalti assombroso e, tal como os outros - facto meramente curioso -, com influência directa no resultado.

Ishmael Yartey, miúdo com um grande potencial emprestado pelo Benfica ao Beira-Mar, marcou hoje o golo de honra - e que grande golo - dos aveirenses na Luz. Quando um jogador emprestado pelos corruptos e que milagrosamente não se lesione antes de defrontar o clube que o emprestou, marcar um golo assim no Ladrão, avisem-me.

Os Mais: Carole, está a evoluir muito bem. Carlos Martins foi um comandante. Luís Filipe esteve a bom nível, apesar de ter permitido algumas diagonais perigosas para a nossa baliza. Kardec foi infeliz na finalização, mas mostrou mais que em jogos anteriores. Jara foi competente e fez um grande golo. Peixoto e Maxi entraram bem.

Os Menos: Ambos os centrais tiveram falhas comprometedoras, mas gosto do Roderick que, para mim, é de longe o que mostra ter melhores condições para ser bom central. É calmo, tem altura, tem bons pés, e nota-se que está a ganhar corpo e velocidade. Ainda falha muito, é verdade, mas tem tempo para melhorar. Já o Sidnei, com bola no pé, começa a ser desesperante.

De Futuro: Tirar proveito da gestão feita por Jesus e jogar com alma contra os andrades. No próximo jogo gostava de ver um Benfica à imagem do Benfica no Ladrão para a Taça: Um Benfica com raça e a pressionar com intensidade, mas sem abrir espaços em exagero, nem perder bolas desnecessárias.

BENFICA SEMPRE!!

4 comentários:

Observador disse...

Genericamente de acordo com o que foi escrito.

Apenas um pormenor para o golo mal anulado ao Benfica.

A culpa, dizem, é do assistente. Que deveria dar a informação ao seu "chefe" de que a bola tinha tabelado num jogador do Beira Mar tornando, assim, o golo válido.
Acontece que Nono Roque, o assistente em causa, não só assinalou o referido como correu para o meio do campo, sinal claro de que o golo deveria ser validado.

Elmano (mete-me nojo este senhor e não só de agora nem de jogos com o Benfica) rectificou. Sim, foi ele que não viu (ou não quis ver) a bola a tocar num defesa dos aveirenses.

Que tal Sr. Vitor Pereira? O seu bloco de notas precisa de mais folhas? Quer que lhe ofereça outro?

E o que terá escrito o Observador?

Anónimo disse...

Boas,

Gostava de te visto mais do Yartey, mas estou com esperança que faça a pré-época. O Sidnei é capaz do melhor e do pior assim de seguida e já não devia ter certas falhas com tanto tempo de casa. Não desgostei do Fernandez, um caso a seguir nos próximos jogos e de resto concordo com tudo o que foi escrito.

Cumprimentos
João Rei

Miguel disse...

Caros benfiquistas,

ontem fui (fomos) mais uma vez roubado no Estádio da Luz. Livre para Aimar marcar, vejo a bola dentro da baliza e grito golo como todo o resto do pessoal. Mas não, Elmano viu um desvio, mas foi de um jogador do Beira Mar, ou seja, foi um golo limpo, mal invalidado. Porque é que este sr. sempre que arbitra um jogo do SL BENFICA, gosta de se mostrar, como noutros jogos, com a célebre expulsão de Carlos Martins com o Guimarães. É interessante reparar que como Benquerença, Xistra, etc, erra sempre contra o SL BENFICA, o que para mim já não é azar, é premeditação.
Gostava de voltar a ver o LFV, Rui Costa, a falar sobre este assunto; é que não há fim de semana que o nosso clube não seja prejudicado e o jogo que vem aí para a Taça com os corruptos tenho muito receio, pois é Benquerença ou Xistra e a encomenda já deve ter sido embalada.
No corruptos - scp, o scp também foi roubado, que mão descaradíssima e o árbitro não viu???? Pensou que era bola na mão??? Enfim, o mais do mesmo na liga do golf e do apedrejamento. Os scp's, falaram timidamente do lançe, mas como são os seus aliados na cruzada anti-SLB não passou disso. Triste tudo isto, mas já vi que a próxima época será igual, tudo aponta para isso.

Miguel

Jotas disse...

A concentração já está toda ela centrada nas Taças, com toda a legitimidade e a minha concordância, julgo mesmo que é bom e importante para o clube, que sejam agora as chamadas 2ªs linhas a entrar em campo, porque lhes dá ritmo de competição, permite avaliar as reais capacidades destes atletas, avaliá-los e ver o crescimento competitivo de alguns jovens, acho até que num ou noutro caso, são já evidentes as melhorias de alguns desses jogadores, até porque este onze começa também ele a ganhar algumas rotinas.
Quanto ao Elmano, mais do mesmo, este é mais um dos árbitros que permitem haver equipas sem derrotas na liga e afasta outros das possibilidade de lutar até ao fim
Um referância apenas ao clássico!!!, pareceu-me mais um encontro entre irmãos, aquele penalti e aquela falta sobre Helton, é de bradar aos céus, nada que chateie muito os sportinguistas, que caso lance semelhante tivesse acontecido com o Benfica, não só daria direito a conferência de imprensa e a declarações nos jornais do Rogério Alves e companhia, como seria motivo de conversa por vários meses.